Ciúme: Um sentimento muito perigoso, mas com solução

Ciúme: Um sentimento muito perigoso, mas com solução

Partilhe este artigo, escolha a sua rede social!


Podemos sentir ciúmes em diferentes situações, que vão de um simples apego a determinado bem, até outras relacionadas com a inveja, egoísmo ou controlo excessivo. O ciúme pode levar a um comportamento obsessivo - compulsivo, o que nos prejudica a nós próprios ou a quem está à nossa volta. Mas quão grave pode ser este sentimento? Que proporções pode assumir? Há solução?

É certo que, muitas vezes, ouvimos dizer que há ciúmes saudáveis e isso é, de facto, verdade se permitir melhorar, por exemplo, a dinâmica romântica de um casal. Em certos casos, vemos que os pequenos ciúmes acabam por ser verdadeiras injecções de paixão, em relações outrora mais apagadas. No entanto, também existe o ciúme excessivo ou obsessivo. Trata-se de uma desordem, a que podemos chamar de ciúme patológico ou obsessivo.

A esmagadora maioria destes casos de ciúmes patológicos acontecem em casais. Estudos recentes traçam o perfil psicológico deste paciente: parte normalmente da premissa que o seu parceiro/a está a traí-lo/a e faz desta desconfiança um modo de vida, seguindo o parceiro, ligando constantemente ou até mesmo vigiando-o 24 horas por dia. Há até casos extremos em que o ciumento obsessivo sente-se como a metade dominante do casal e acha-se no direito de condicionar a vida da outra metade, terminando estes casos, quase inevitavelmente, em situações de violência doméstica com as consequências dramáticas que conhecemos.

Mas afinal o que está na origem deste tipo de comportamento?

Na verdade, depende de caso para caso e cada pessoa tem a sua história de vida, os seus traumas e as suas experiências. Sabe-se ainda assim que o ciúme faz disparar algo no nosso cérebro que nos coloca prontos a entrarmos em estado de confrontação. A partir daí os sintomas vão chegando numa sequência assustadora, mas ao mesmo tempo normal quando falamos de ciúmes: ansiedade, dificuldade de concentração, comportamentos obsessivos, entre outros.

Chegou a hora de deixarmos trás esta desordem e garantirmos que quem sofre de ciúmes obsessivos ou patológicos possa alcançar a libertação emocional. Com a Thought Field Therapy (TFT) e os seus procedimentos simples e fáceis de executar pode, em poucos minutos, libertar-se ou ajudar alguém a ver-se livre destes comportamentos que, como vimos anteriormente, podem vir a ter consequências trágicas.

Por todo o Mundo, são mais de 1 milhão, as pessoas que já viram as suas vidas mudar depois de tratamentos da TFT.

O ciúme obsessivo/patológico é uma das desordens que a TFT trata, ajudando o paciente a reconquistar a felicidade e o controlo das suas emoções. Consulte a nossa agenda e fique a par das próximas formações TFT, a terapia que lhe devolve a qualidade de vida. 


Partilhe este artigo, escolha a sua rede social!


Blog

Pesquisa

Eventos

Workshop gratuito, com inscrição obrigatória: Descubra o que é a TFT
Workshop gratuito, com inscrição obrigatória: Descubra o que é a TFT

23/09/2020

Aprenda a utilizar a lei da atração em seu beneficio.
Aprenda a utilizar a lei da atração em seu beneficio.

03/04/2021

Webdesign Megasites